Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

"O Júri" de John Grisham - Opinião

por Tânia Tanocas, em 31.10.17

51.jpg

Opinião:

Não sou grande fã de advogados e situações que envolvem tribunais e julgamentos, mas quando vi que envolvia um caso contra as tabaqueiras fiquei logo interessada.

 

Como cliente habitual das tabaqueiras, fiquei bastante interessada nas alegações da defesa e da acusação e tal como os jurados houve momentos que me empolguei e outros em que não consegui afastar o tédio.

 

O problema é que houve muita marosca (dentro e fora daquele tribunal) que me deixou ainda mais desacreditada com a justiça. Felizmente nunca tive problemas judiciais, espero nunca os ter, porque a minha confiança está em limites muito fraquinhos.

 

Gostei do desfecho final, é caso para se dizer que se fez justiça, mesmo que tenha sido manipulada.

 

Há medida que lia o livro, ficava com a sensação de já ter visto estas situações em algum lugar, e não me enganei, este livro deu origem a um filme (já visualizado à alguns anos) com o mesmo nome, protagonizado por John Cusack, já não me lembrava do filme, só um ou outro flashback que em nada afectou o decorrer da leitura.

 

"A nicotina cria dependência. A dependência significa lucro. A sobrevivência do tabaco depende de cada geração adquirir o hábito."

3-estrelas.jpg

721.jpg

 

John Grisham, nasceu no Arkansas a 8 de Fevereiro de 1955. Antes de se tornar escritor a tempo inteiro licenciou-se em Direito, exerceu advocacia e tornou-se profundo conhecedor do sistema jurídico americano. Inspirou-se na sua experiência profissional em toda a sua obra literária que se inicia em 1989 com a publicação de Tempo de Matar. É autor de vinte e três romances.
Com mais de 250 milhões de exemplares vendidos e traduzido para mais de 29 línguas, é um autor que ocupa permanentemente os lugares cimeiros nas listas dos livros mais vendidos. A sua enorme popularidade e a mestria da escrita fazem de John Grisham um autores com intensa actividade na escrita de guiões cinematográficos e de séries televisivas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:45

Promoções... Quem é que não gosta?!

por Tânia Tanocas, em 18.02.17

Ontem fui à Note (têm lá um posto dos CTT) colocar mais uns livrinhos que viajaram para novos donos.

 

Não ia para adquirir nada, (tal como não tenho comprado nada em livrarias desde que me habituei a adquirir livros em 2 mão) era fazer o envio e sair, mas passei mesmo ao lado de uma bancada com livro a 50% de desconto, ok já por si é uma boa promoção, mas mesmo assim, cada livro ficava +- a 8.00€, ultimamente não tenho comprado livros acima dos 6.50€ / 7.00€ (uma meta que me impus).

 

Espreitei para ver ser havia algo que me interessante, a maioria eram da Nora Roberts e já os tinha, depois deparei-me com estes dois "kiduchos", comecei a fazer contas e se levasse os dois eram +- 17.00€, um pouco puxado para a minha carteira, então lembrei-me de que tinha uns trocados no cartão, fui para a caixa e fiquei toda contente por trazer estes dois livros por pouco mais de 5.00€.

 

IMG_20170218_190524.jpg

 

Costumava adquirir muitas novidades com este sistema do cartão, mas desde que a "maravilhosa" lei do preço fixo do livro (LPFL) foi implementada que tenho me desleixado com esta técnica.

E você também costumam usufruir dos descontos para fazer aquisições literárias? 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:47


Mais sobre mim

foto do autor






Mensagens



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D